23/08/2008


Vem cá dizer-me que sim.


Ou vem dizer-me que não.


Porque sempre vens assim


P’ra ao pé do meu coração.

Nenhum comentário: